quinta-feira, 29 de maio de 2014

E agora, Telma?

Atenção corpo de funcionários:


Clique aqui e acessem os textos da Telma Vinha, professora de Psicologia Educacional da Faculdade de Educação da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), que responde dúvidas sobre comportamento mensalmente na revista NOVA ESCOLA (a mesma do vídeo que foi passado na formação do dia 28/05).


Vocês sabiam que a escola tem uma Fanpage no Facebook?


  www.facebook.com/elpidioonline.

A fanpage do Elpídio está bombando...

Com informações do dia a dia da escola e também do mundo!!!

7º ANO: FIQUEM DE OLHO NOS CONTEÚDOS PARA AS AVALIAÇÕES DE MATEMÁTICA DA PROFª LILIAN

Os conteúdos para as avaliações de matemática da profª Lilian estão relacionados abaixo:



O conteúdo de simulado é o mesmo para todos os 7º anos ( A, B, C, D, E e F)

Oficina - Olimpíada de Lingua Portuguesa

A profª. Fernanda Maciel realizou a 1ª oficina da Olimpíada de Língua Portuguesa com o 9º ano...


Ficam as dicas da professora:



segunda-feira, 19 de maio de 2014

Momento Cívico - 8º B


Os alunos do 8º ano realizaram o momento cívico da semana (6º ao 9º ano) com o tema "Valores éticos", abordou a questão da  cidadania e direitos humanos.

   A professora Tatiane Dalmati (L. Inglesa) orientou a turma e a coordenadora Odete apresentou o momento.
Clique no link abaixo e veja a apresentação slides feita pelos alunos:
Cidadania e Direitos Humanos

domingo, 18 de maio de 2014

Professora Adriana utiliza o relógio de ponteiro como recurso para estudar os ângulos


OS ÂNGULOS



A ideia de ângulos pode ser associada a várias situações do cotidiano, como por exemplo, as que envolvem inclinação em relação a um eixo ou um giro em torno de um ponto fixo.



Imagine um círculo dividido em 360 partes iguais. Um grau corresponde a cada uma das partes obtidas, se considerarmos uma volta completa, teremos um ângulo de 360°.




Dessa maneira, os alunos do 7º C e 7º F confeccionaram relógios demonstrando alguns ângulos como reto, agudo, obtuso e raso através dos horários indicados pelos ponteiros.

Os trabalhos foram realizados em grupos e socializados em sala de aula. A partir disso, estes alunos puderam compreender melhor a posição relativa de cada semi reta (ponteiros) em relação à seu ângulo, partindo de um mesmo vértice.


A Professora Adriana Laura de Oliveira Prestes, disciplina de matemática nos turnos matutino e verspertino,  atuou como orientadora desse projeto.

sexta-feira, 16 de maio de 2014

32º Jogos Infantis da Rede Municipal de Ensino

Campeonato de xadrez - 14/05

Nossa escola participa dos jogos com várias modalidades


     Os 32º Jogos Infantis da Reme tiveram início em 10 de maio no Ginásio do Instituto Mirim II, com encerramento previsto para dia 27 do mesmo mês, segundo a notícia publicada no site da Secretaria Municipal de Educação
     Além da Escola Municipal Elpidio Reis outras 15 escolas participam dos jogos em 8 modalidades específicas, como xadrez, ginástica, futsal e outros.




quinta-feira, 15 de maio de 2014

Terrário: um pedaço da natureza na sala de aula

 


Aula com os alunos do 3º C e D Vespertino


 Permitiu compreender o funcionamento da natureza ao observar, dia a dia, as paredes do aquário, o crescimento das plantas e o ciclo da água. Possibilita  a investigação científica: observação, registro, questionamento, experimentação e conclusão. É testando e comprovando que os alunos fazem ciência exatamente como os cientistas. A conclusão é  de que a "chuva" foi causada pelos fenômenos da condensação e evaporação da água armazenada na terra e da transpiração das plantas.



O trabalho foi realizado pela professora de laboratório Elaine Cristal.

quarta-feira, 14 de maio de 2014

Aula no museu é mais que uma simples visita - 7º ano

Quem disse que museu é lugar de "coisa de chata", de "coisa velha"?


Visita ao MIS
   Ir a museus e exposições não é simplesmente um ato "ilustrativo" do conteúdo dado em sala de aula. Museus são locais com grande potencial educativo, onde é possível ter contato com uma acervo original, além de uma verdadeira noção do que é patrimônio histórico e cultural.
   Pensando assim, os alunos do 7º ano, com a orientação do professor Dorival e apoio da Professora Tatiane Moura, realizaram uma visita ao Museu de Arqueologia da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (MuArq)  nessa quarta feira. Na ocasião os alunos puderam vizualizar elementos que colaboram para o entendimento das origens e as relações homem-ambiente na pré-história, bem como os processos de formação das etnias indígenas que existiram e existem em Mato Grosso do Sul.
Visita ao MuArq-UFMS
   Foi visitado, também,  ao Museu da Imagem e do Som de MS (MIS) que oferece atividades educativas que facilitam a formação de uma identidade cultural com base na reflexão crítica dos indivíduos.

 

Anote o contato dos museus e agende sua visita:
MuARq:Av. Fernando Corrêa da Costa, 559, 1º andar
Campo Grande - MS - Brasil  - Telefone - (67) 3321-5751
 
MIS:Avenida Fernando Corrêa da Costa, 559 - 3º Andar 
Campo Grande - MS - contato@misms.com.br - (67) 3316-9178 


terça-feira, 13 de maio de 2014

Fazendo Arte na sala de informática




A professora Madalena (Artes) sempre dá um show em suas aulas... Hoje ela relatou um pouco das obras que utilizam as formas geométricas circulares, de Sonya Delaunay, nos 1ºanos A e C. Após as devidas explicações, os alunos realizaram produções inspirados nas obras da artista:

Produção da aluna Hemilly - 1º A
Produção do aluno Cauã - 1ºA


Produção do aluno Daniel Rosa - 1ºC
Produção da Aluna Lauanne - 1ºC

 

SÓNIA DELAUNAY (1985 - 1979)


Pintora francesa de origem russa, Sara Stern nasceu em Gradizhsk (Ucrânia), em 1885.
Em 1910, casou em segundas núpcias com o pintor francês Robert Delaunay, um dos precursores da pintura abstrata, e adotou o nome de Sonia Dalaunay.
Sonia realizou em 1911 as primeiras obras abstratas, sendo considerada uma das mais representativas artistas desta corrente.
Observe algumas obras da artista:





(Fonte: http://cadernosemcapa.blogspot.com.br/2011/01/sonia-delaunay-1985-1979.html)




segunda-feira, 12 de maio de 2014

Alunos exercitam a coordenação motora fina utilizando recursos tecnológicos

   Hoje os alunos da professora Célia Mara (Artes) frequentaram a sala de informática com o objetivo de exercitar a coordenação motora fina.
   Para cumprir o objetivo da aula, os alunos assistiram ao vídeo da Dona Aranha  e, em seguida, fizeram uma releitura no aplicativo KolourPaint .



    O resultado foi sensacional: alunos motivados, professora feliz e aprendizagem nota dez...

Produção do aluno Thiago - 2ºB
Produção da aluna Rafaela - 2º B
   Nossa capacidade motora fina nos permite usar os pequenos músculos do nosso corpo. Escrever, coordenar os movimentos das mãos e dos olhos, criar peças de arte, mover olhos e lábios são exemplos de habilidade motora fina. Pegar uma pequena folha do chão com os dedos também é um uso dela. O mesmo acontece com a montagem de um quebra-cabeça ou quando alguém brinca com tijolinhos de construção — o que envolve também a nossa capacidade motora visual. Qualquer coisa que fazemos coordenando olhos e mãos tem a ver com essa capacidade motora fina, como usar um mouse, inclusive para desenhar.
(fonte:http://www.ehow.com.br/diferenca-entre-coordenacao-motora-fina-grossa-estrategia_97787/)